logo_anba_pt logo_camera_pt
14/12/2017 - 12:34hs
Compartilhe:

Arábia Saudita destina US$ 19 bilhões ao setor privado

Governo lançou pacote que prevê uso de 72 bilhões de riais para apoiar as empresas. O plano inclui empréstimos para pequenas companhias, promoção de exportação e restituição de impostos.



São Paulo – A Arábia Saudita anunciou um pacote de 72 bilhões de riais sauditas, o equivalente a US$ 19,1 bilhão pela conversão atual, para estimular o setor privado no país. A notícia foi publicada pela agência de notícias oficial, Saudi Press Agency (SPA), nesta quinta-feira (14).

SPA

Rei (foto) aprovou plano do príncipe herdeiro

Um decreto sobre o assunto foi emitido pelo rei saudita Salman bin Abdulaziz Al Saud, aprovando um plano de estímulos do príncipe herdeiro Mohammad bin Salman bin Abdulaziz, vice-presidente do Conselho de Ministros e Presidente do Conselho Econômico e de Desenvolvimento da Arábia Saudita.

O plano prevê empréstimos subsidiados para habitação em um total de 2,1 bilhões de riais sauditas (US$ 568,3 milhões), apoio para empresas com dificuldades financeiras no valor de 1,5 bilhão de riais sauditas (US$ 399,8 milhões) e ação de promoção das exportações com 66 milhões de riais (US$ 17,5 milhões).

Para pequenas e médias empresas faz parte do pacote a destinação de 1,6 bilhão de riais sauditas (US$ 426,4 milhões) para empréstimos, de 2,8 bilhões de riais sauditas (US$ 746,2 bilhões) para capital de risco e 7 bilhões de riais sauditas (US$ 1,8 bilhões) para restituição de tarifas pagas ao governo.

O plano ainda contempla outras iniciativas como a promoção de tecnologias de construção, em 13,6 bilhões de riais sauditas (US$ 3,6 bilhões), projetos de refrigeração, de biodiversidade e fibras óticas, capacitação do setor privado com plataforma de exibição para as empresas, entre outros.

De acordo com a notícia da SPA, o pacote visa fortalecer a capacidade competitiva dos vários segmentos da economia saudita, trazer melhores resultados para elas e melhorar o ambiente empresarial e de investimentos local. Ele também vai de encontro ao plano de desenvolvimento que a Arábia Saudita desenhou para 2030.

Enviar por E-mail:





Comentários

Seu comentário será enviado para um moderador antes de ser publicado.





imagem_form